Polipsicologia

Psicologia & Gestão de Pessoas
 

Psicologia de Trânsito

“A Psicologia de Trânsito passou a ser definida como “uma área da Psicologia que investiga os comportamentos humanos no trânsito, os fatores e processos externos e internos, conscientes e inconscientes que os provocam ou os alteram” (Conselho Federal de Psicologia, 2000,p.10).”

A Psicologia de Trânsito e a Avaliação Psicológica são áreas afins, uma vez que essa última consiste em um processo técnico-científico de coleta de dados, estudos e interpretação de informações a respeito dos fenômenos psicológicos, realizado por meio de estratégias psicológicas como métodos, técnicas e instrumentos que permitem um conhecimento de capacidades cognitivas e sensório-motoras, componentes sociais, emocionais, afetivos, motivacionais, aptidões específicas e indicadores psicopatológicos. (Noronha, 1999).

É importante ressaltar que o objetivo da Avaliação Psicológica aqui apresentada no contexto de trânsito nunca foi o de predizer se um determinado indivíduo viria a se envolver em acidente ou não, e sim de realizar um trabalho preventivo, no qual fosse possível diminuir as possibilidades de um motorista se expor a situações de risco.

Trata-se de realizar neste caso a avaliação da qualidade de vida, através da avaliação psicológica do condutor de veículos, que já possui sua carteira de motorista ( CNH). Auxiliar anualmente as empresas no controle da qualidade de seus funcionários, buscando reduzir riscos e tornar mínimos os efeitos em caso de acidente. A avaliação psicológica trabalha com o indivíduo no seu estado psíquico. Analisando o estresse, atenção, capacidade de concentração, entre outros. Busca o desenvolvimento psíquico auxiliando uma segurança pessoal e coletiva dos condutores de veículos assim como de funcionários administrativos das empresas.

Isabela Tostes Poli
CRP Nº 08/10560

Voltar

Rua Recife, 183, (Clínica Conceptus) Cabral. CEP 82.510-020 - Curitiba/PR - Fone (41) 9615-9335 - isabela@polipsicologia.com.br
Desenvolvedor: In Company