Polipsicologia

Psicologia & Gestão de Pessoas
 

A Terapia familiar

Os conflitos fazem parte da família, uma vez que a família é dinâmica e é composta por membros (invíduos) difirentes entre si.

Os conflitos são essenciais ao ser humano e se bem administrados podem promover crescimento. Por isso, os familiares devem aprender a resolver seus problemas de modo a tirar lições proveitosas para suas vidas e não para destruí-las.

Como a psicoterapia ajuda?

Para a solução de conflitos familiares faz-se necessário a possibilidade de diálogo e de escuta. imprescindível o respeito mútuo, o que muitas vezes, teoricamente, seria impraticável.

Torna-se importante o estímulo à solidariedade, à compreensão, à paciência de cada uma das partes no sentindo de um ganho mútuo, de uma vitória conjunta, com a clara percepção dos interesses em comum e não somente as diferenças.

É justamente nos conflitos familiares que transparecem sentimentos como : hostilidade, vingança, depressão, ansiedade, arrependimento, ódio, mágoa, medo, etc., o que dificulta a comunicação entre os membros. Quase sempre, durante uma crise, os parentes não conseguem conversar de forma ordenada e pacífica para resolver suas diferenças. Assim a psicoterapia familiar incentivará a comunicação entre as partes, e será estabelecido uma nova formação de uma relação baseada em mútua compreensão.

Isabela Tostes Poli
CRP Nº 08/10560

Voltar

Rua Recife, 183, (Clínica Conceptus) Cabral. CEP 82.510-020 - Curitiba/PR - Fone (41) 9615-9335 - isabela@polipsicologia.com.br
Desenvolvedor: In Company